Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2013

Proteste você também...

Entrevistada em programa de TV tira a roupa.

Dizia protestar contra a corrupção no país... (?).

Um site que noticiava o feito da moçoila pede que internautas comentem a atitude política da donzela desnuda.

Comentários:

1: As pernas não são torneadas; 

2: Está muito magra;

3: O peitos são bonitos;

4: A Playboy engana...

Nossa consideração é que depois desta e outras que seguirão a "carreira de protestos das peladonas na TV" o país entrará nos eixos... Nossos políticos serão honestos, nosso povo não trocará voto por dentadura, os empresários não subornarão fiscais de nenhum órgão público ou autarquia, prefeitos e governadores cumprirão metas de probidade, etc.,. Próxima pelada, por favor....


    https://www.youtube.com/watch?v=1JKeuterW8o&hd=1 

Black blocs para quê?

Ações parvas e sem coordenação do Black Blocs farão com que as manifestações percam sua legitimidade. A manada (mascarada) não sabe o caminho (isso não pode ser confundido com anarquia)!
Os resultados esperados:
O Estado reagirá com violência igual ou maior; a população calará; os mascarados responderão até pelos crimes que não cometeram. Tudo ficará como está: corruptos a solta, a elite faturando alto, o pobre recebendo a bolsa subsistência, o Estado comandando o teatro constitucional, o judiciário atrasado em 20 anos, o funcionalismo público ávido pela eterna sinecura, a população a parte do seu poder, os jovens rotundos em sua gana de mudar o imutável, as crianças sonhando com os super-heróis fabricados pela TV ou cinema, outra parte da população apta perambular neste mundo para viver eternamente noutro póstumo, os velhos compreendendo o incompreensível, etc.,. Nada mudará com tirania tupiniquim do Black Blocs.
O antídoto capaz de mudar uma sociedade deve ser retirado da próp…

São Parvos - o povo superior

O povo de São Parvos* desde o começo de sua história foi agraciado com um fluxo migratório de dar inveja a qualquer gestor da administração pública. Essa característica que é benéfica aos cofres públicos - não tão significativa para cultura, o folclore e as tradições do lugar fazem desta cidade um ambiente opaco e sem cara; ou melhor com muitas caras, diversas, ininteligíveis, esnobes, apopléticas, fingidas e às vezes fósmeas (como em todos os lugares). 
Certa vez, após ter minha cultura ofendida, perguntei ao meu interlocutor se sabia o que era Cavalhada ou Catira, não tinha a menor ideia, parte do povo de "São Parvos" nada sabe do que sobrou de seu folclore, mas é um exímio zombador do resto do país. 
Nesta lista podemos incluir próceres, transeuntes, aspirantes e neófitos que adunam-se para negar suas raízes patriarcais.
Para compensar a inexistência de uma cultura sólida que geralmente toda grande cidade que se preza tem - fortaleceram-se elementos que o viés econômico impõ…